Deutsch   English   Français
 
   
 

a casa
canto dos exilados
quem somos
notícias
rede sz
participe
postais
livro de visitas

BUSCA


CONTATO
mail@casastefanzweig.org


Rua Gonçalves Dias, 34
Petrópolis, Rio de Janeiro
tel: (24) 2245-4316

horário:
sexta a domingo de 11h às 17h

caixa postal 50060
20.050-971
Rio de Janeiro/RJ - Brasil

 
LIVRO DE VISITAS

Paulo França - Anapolis

[13/09/08 21:59] Parabéns, a todos que participaram e apoiaram a efetivação deste site..



Emília Carolina - Belo Horizonte - MG - Brasil

[03/09/08 11:42] Estou feliz por ter a oportunidade de conhecer sua obra...



Eliane Sandra de Souza Martins Fontes - Petropolis, RJ Brasil
elianesandra47@hotmail.com

[10/07/08 19:10] Escola Municipal Stefan Zweig- Petrópolis- RJ- Brasil. 10/07/08.
A nossa escola, achou o maximo o site do nosso Patrono, pois nos ajudou muito nas pesquisas .
Como vamos entrar na 2ª fase do nosso projeto sobre sua vida e obras foi genial, estão de parabéns!




Jeanette Dias Rodrigues - Rio de Janeiro
jeanettedias@yahoo.com.br

[14/06/08 19:16] Caro Jornalista Alberto Dines,

Tento encontrar palavras para descrever minha emoção ao acessar o site da Casa Stefan Zweig tão bem elaborado. Excelente!

A leitura de sua obra "Morte no Paraíso" lançou-me em busca de Zweig e encontrá-lo foi muito importante para mim. Foi também lindo saber da Escola Stefan Zweig.

Transmito-lhe e a todos envolvidos no trabalho, meus parabéns!

Minhas maiores homenagens ao Sr. Hans Stern.

Jeanette Dias Rodrigues




Marcelo Gonçalves - São Paulo

[11/06/08 19:00] Stefan foi o autor que me despertou o gosto pela leitura. Suas obras são profundas e analisam o ser humano até suas últimas consequencias, impressionante. Leio tudo que encontro do Zweig. Em espeical recomento seus livros Joseph Fouché, Maria Antonieta, Medo e Jogo de Xadrez.....



Ana Parreira - Campinas SP
anaparreira@uol.com.br

[13/05/08 08:45] Caro Sr Dines
Leio seus escritos há tempos. Alguns, recorto e guardo. Sempre tive vontade de conhecê-lo. Devido ao trabalho que escolhi fazer, o de estudar e divulgar o Holocausto, todos os dias estou em busca de alguma informação. Agora o encontro aqui, neste belíssimo site, bem como encontro Stepan Zweig. Belas vidas. A sua e a dele e da esposa.
Não creio que seja ele na foto, pois se vê que são almas diferentes, além de alguns traços físicos.
Também não me permito questionar o final da vida de Zweig, mas sim, pensar em tudo que ele fez antes.
Obrigada por tudo que tem escrito, Dines, e pela história de Zweig, presentes que devemos fazer por merecer.




Sylk Schneider - Weimar

[12/04/08 10:29] Parabens pela initiativa e pelo belo site. Já ha data prevista para abertura do museu?



Deonisio da Silva - Rio de Janeiro, RJ
deonisio@terra.com.br

[01/04/08 08:13] Dines, que bela iniciativa este memorial do Zweig e da Lotte! Lost Zweig, como no filme imperdível de Sylvio Back sobre a tragédia. Tenho relido Morte no Paraíso e ido freqüentemente a Petrópolis: estou escrevendo o romance "Lotte em Petrópolis". Ela comprou comida para um mês, no sábado, e suicidou-se no domingo! Disfarçava ou não queria morrer? Que nos diz com tantos silêncios cheios de sinais essa mulher? Ele disse tudo, mas ela?
"Há braços" a você e a aos visitantes.




Livio Tragtenberg - Sao Paulo
liviotragtenberg@gmail.com

[20/03/08 08:33] Parabéns pela iniciativa! Figura fundamental da vida intelectual, Zweig merecia uma atenção como essa.
Escrevi uma ópera sobre ele, "SALUTARIS" , na Alemanha. Há muito que se fazer para seu legado.




Quiteria Cloutman - Glen Gardner, New Jersey, USA

[18/03/08 20:33] Site maravilhoso. Estou cheia de desejo de conhecer bem este escritor, Stefan Zweig. Apesar de entender a dor que sentiram, lamento que ele e a esposa tenham partido do jeito que partiram.